Image and video hosting by TinyPic

O melhor conteúdo da região

Tecnologia do Blogger.

Profissionais alertam sobre cuidados com a saúde durante o Carnaval

Com a chegada do período carnavalesco, a Unidade Pernambucana de Atendimento Especializado (UPAE) e os Hospitais Dom Malam (HDM) e Regional de Juazeiro (HRJ), todos gerenciados pelo Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (IMIP), estão alertando os foliões sobre os cuidados que deverão ter com a saúde durante o Carnaval. As dicas vão desde alimentação saudável, o cuidado com alimentos contaminados, a importância da hidratação através do consumo de água, formas de contaminação por doenças sexualmente transmissíveis, e os cuidados que os pais devem ter com as crianças.

Para a nutricionista da UPAE, Luciana Araújo, é muito importante, durante este período, manter uma alimentação balanceada, fazendo regularmente as seis refeições diárias necessárias para o organismo. “É preciso priorizar frutas e verduras, que é onde estão as vitaminas e os minerais, além das comidas leves, como as carnes grelhadas. Devem evitar comidas pesadas, lanches rápidos, como o fast-food e ingestão de alimentos que ficam expostos em barracas, pois não sabemos há quanto tempo estão ali e quando foram feitos. Nestes casos as pessoas podem chegar a contrair infecções causadas pelos alimentos contaminados”, explica.

A nutricionista comenta ainda sobre os riscos de não manter uma dieta equilibrada. “Muitas pessoas saem para brincar, bebem, comem de forma errada e não repõem os nutrientes necessários, além de não consumir a quantidade de água suficiente para o nosso organismo. São nesses casos onde ocorrem as desidratações pós-carnaval, pela falta do consumo de água”, ressalta Luciana.

Já o infectologista do HRJ, Rodrigo Videres, chama atenção para as Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST’S). “Nesses períodos festivos o clima está mais propenso para o comportamento de risco, que é caracterizado pela relação sexual sem preservativo. Essas relações desprotegidas transmitem inúmeras doenças crônicas, como a hepatite, sífilis, o HIV, entre outras. Então, é essencial usar o preservativo, além de tudo é gratuito”, alerta.

Crianças – Quem merece atenção redobrada nesta época do ano são as crianças. A pediatra do HDM, Nazaré Marinho, alerta os pais quanto aos cuidados com os filhos. “É aconselhável evitar aglomerações pelo risco das crianças se machucarem, devendo brincar em lugares mais arejados e usar roupas leves, calçados confortáveis, protetor solar e oferecer muito líquido e frutas às crianças”, pontua. Além disso, os pais devem ficar atentos aos níveis de ruídos durante o evento. Níveis sonoros muito altos podem prejudicar tanto a audição das crianças como dos adultos também. É bom evitar proximidades com carros de som ou trios elétricos”, aconselha a médica.

As informações são da assessoria UPAE.
Compartilhe no Google +

Blog Revista do Vale

Os comentários publicados abaixo são de total responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião da Revista do Vale.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário