O melhor conteúdo da região

Tecnologia do Blogger.

Em Petrolina, criança com doença crônica está sem receber medicamento que custa mais de R$ 50 mil

Publicado em 26/06/2014, às 14h10

A falta de um medicamento para uma doença nas articulações está preocupando uma família do bairro Antônio Cassimiro, na Zona Norte de Petrolina. Uma criança de seis anos de idade foi diagnosticada com Artrite Idiopática Juvenil (AIJ) e depende de uma medicação que custa mais de R$ 50 mil. A família conseguiu na justiça uma liminar para que o estado forneça o remédio, porém nos últimos quatro meses a acriança está sem receber o medicamento.

De acordo com o pai do garoto, José Dorgival da Silva, a criança foi diagnosticada com a doença com cerca de dois anos e meio de vida. “Nós percebemos que ele caía muito dentro de casa e levamos ao posto médico. Então ele foi levado para Recife e desde então faz exames mensalmente”, explicou.

A família do menino comprava um medicamento antigo, que passou a não surtir efeito fazendo com que a médica da criança prescrevesse um remédio mais forte e mais caro. “Nós conseguimos na justiça o direito de ter o remédio de graça. Recebemos normalmente por 12 meses, mas há quatro meses o menino não toma as doses e não está podendo se locomover direito”, afirmou o pai da criança.

Segundo José Dorgival, o remédio provoca efeito colateral, mas é necessário para controlar a doença. “Para diminuir melhorar a locomoção dependemos do remédio novo, pois ele consegue reduzir as inflamações e estabilizar o estado”, declarou.

A AIJ, também conhecida como Artrite Reumatoide, é uma doença crônica que causa aumento e inchaço nas articulações. Segundo a Sociedade Brasileira de Reumatologia, o problema de saúde atinge crianças e adolescentes até os 16 anos, a causa exata ainda não é conhecida e é pouco frequente com 0,1 a 2 casos entre mil crianças.

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) esclareceu em nota que a compra do medicamento está em fase de licitação e a expectativa é que esteja disponível até o fim da primeira quinzena de julho.

As informações são do G1.
Compartilhe no Google +

Blog Revista do Vale

Os comentários publicados abaixo são de total responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião da Revista do Vale.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário