Image and video hosting by TinyPic

O melhor conteúdo da região

Tecnologia do Blogger.

Foto de jovem simulando sexo com estátua de santo vira caso de polícia

Publicado em 28/06/2014, às 17h06

Uma foto postada em uma rede social causou revolta entre os moradores de Morro Agudo (SP). Na imagem, o estudante Robson Pereira, de 19 anos, aparece simulando um ato sexual com uma estátua de São José, padroeiro da cidade. Câmeras de segurança da paróquia que leva o nome do santo flagraram o comportamento do jovem, que se diz arrependido. “Eu não quis desrespeitar ninguém, achei que fosse uma obra comum, não algo religioso”, diz. A brincadeira acabou virando caso de polícia.
Foto postada em rede social mostra jovem em
'brincadeira' (Foto: Reprodução / EPTV)

O caso aconteceu na madrugada da última segunda-feira (23). O vídeo feito pelas câmeras de segurança mostra o jovem reunido com um grupo de amigos na praça onde fica a estátua do santo. Na sequência, o jovem aparece escalando o pedestal que sustenta a imagem, e se coloca atrás dela. Ele faz um gesto, enquanto os colegas o fotografam.

Uma das fotos foi parar em uma rede social, postada até mesmo pelo próprio estudante. A imagem ganhou repercussão e despertou a indignação dos fiéis de Morro Agudo. Apesar do gesto e da confusão, o estudante alega que a publicação não tem conotação sexual e que foi apenas uma brincadeira, sem a intenção de falar mal da igreja católica. Após perceber a polêmica que havia causado, o jovem publicou um pedido de desculpas em sua página na rede social. “Eu peço perdão a todo mundo aqui, não quero que as pessoas fiquem chateadas comigo.”

De acordo com o delegado responsável pelo caso, João Baptistussi Neto, a atitude do rapaz pode caracterizar crime contra a religião, previsto no artigo 208 do Código Penal. A pena varia de um mês a um ano de reclusão ou pagamento de multa.

As informações são do G1.
Compartilhe no Google +

Blog Revista do Vale

Os comentários publicados abaixo são de total responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião da Revista do Vale.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário