Image and video hosting by TinyPic

O melhor conteúdo da região

Tecnologia do Blogger.

Prefeito de cidade baiana sofre atentado à bala e morre ao dar entrada em hospital

Publicado em 30/07/2014,às 09h31
Da Redação, com Correio da Bahia

Rielson Lima não resistiu e morreu. (Foto: Radar 101)
O prefeito da cidade de Itagimirim, no Sul da Bahia, foi morto a tiros na noite de terça-feira (30). O crime aconteceu por volta das 18h30, em frente a um bar na praça Castro Alves, no centro da cidade. Rielson Santos Lima (PMDB) chegou a passar por cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

O político estava na companhia de um primo quando foi abordado por um dos criminosos. Segundo a delegacia do município, testemunhas que estavam no local contaram que dois homens em uma moto estacionaram na frente do estabelecimento onde o prefeito estava. O carona teria disparado diversas vezes na direção do prefeito, que foi atingido por quatro tiros. 

Rielson foi socorrido em estado grave por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhado para o Hospital Regional de Eunápolis. Ele passou por cirurgia para estancar uma hemorragia e retirar a bala, mas acabou sofrendo uma queda de pressão e morreu por volta das 23h30.

"A autoria e a motivação do crime ainda estão sendo investigadas", contou ao Correio da Bahia um funcionário da delegacia, que não quis se identificar. Policiais Militares chegaram a fazer diligências para localizar os suspeitos, mas ninguém foi preso. O caso está sendo apurado pela 23ª Coordenadoria de Polícia no Interior (Coorpin/Eunápolis).

Rielson, que havia sido reeleito na última eleição, deixa esposa e dois filhos. O corpo está sendo velado na Catedral de Itagimirim durante todo o dia e o enterro está marcado para acontecer às 16h, no cemitério da cidade.
Compartilhe no Google +

Blog Revista do Vale

Os comentários publicados abaixo são de total responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião da Revista do Vale.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário