O melhor conteúdo da região

Tecnologia do Blogger.

Adolescente indiana corta pênis de seu tio após ele tentar estupra-la pela segunda vez

Publicado em 06/08/2014,às 13h43

Entre os casos recentes de estupro na Índia, um teve um final diferente. Uma adolescente indiana cortou o pênis de um homem que tentava a estuprar pela segunda vez. O homem, tio da menina, está foragido e é procurado pelos detetives do caso, que elogiaram a coragem da moça. A polícia de Madhepura, no distrito de Bihar, informou que a jovem, que tem 17 ou 18 anos, havia sido abusada pelo agressor no mês passado. De acordo com a imprensa indiana, a menina teria sido levada pelos pais para participar de um ritual tântrico, a fim de ser curada pelo tio de uma doença.

Depois do ocorrido, a menina foi até o conselho local para relatar o fato, porém sem sucesso. Então, a jovem dirigiu-se à delegacia para mulheres, de Alam Nagar, localizada a 360 quilômetros a leste da capital regional, Patna. O oficial Ak Singh, superintendente da delegacia, informou ao jornal britânico “The Independent” que o homem abusou do fato de ser membro da família e ter uma relação de confiança com a sobrinha.

"O incidente ocorreu há 20 dias. Inicialmente, a menina foi ao conselho local. Mas como isso foi inútil, ela foi trazida a mim", disse Singh.

Ao ser perguntado sobre a possibilidade de a jovem ser incriminada, o delegado respondeu:

"Por que nós deveríamos incriminá-la? Nós deveríamos aplaudir o seu ato de bravura e coragem", frisou.

ABUSOS FREQUENTES NA ÍNDIA

Protesto realizado na Índia. (Foto: AFP)
Quase todos os dias, a mídia indiana noticia casos chocantes de abusos sexuais que acontecem por todo o país. A quantidade de crimes como esse aumentou desde o estupro coletivo e assassinato de uma estudante em dezembro de 2012, em Nova Délhi. Outros, no entanto, alertam que o que aumentou foi a denúncia depois da repercussão do caso.

A jovem havia embarcado em um ônibus, depois de ir ao cinema. Ela foi estuprada e jogada do veículo. O crime motivou protestos e debates pelo país sobre a condição e tratamento dado às mulheres indianas. O governo então aprovou uma série de penas mais duras para os condenados por estupro.

As informações são do jornal O Globo, com agências
Compartilhe no Google +

Blog Revista do Vale

Os comentários publicados abaixo são de total responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião da Revista do Vale.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário