O melhor conteúdo da região

Tecnologia do Blogger.

Ícone da cultura nordestina, Seu Lunga morre de câncer aos 87 anos no Ceará

Publicado em 22/11/2014, às 17h19
Da Redação, com jornal Diário do Nordeste

Seu Lunga''em imagem de julho de 2013 (Foto: Lucas de Menezes/Agência Diário do Nordeste)
Morreu neste sábado (22), aos 87 anos, Joaquim dos Santos Rodrigues, mais conhecido popularmente como Seu Lunga, um dos grandes ícones da cultura popular nordestina. Seu Lunga lutava contra um câncer de esôfago e estava internado no Hospital São Vicente de Paulo, em Barbalha, no interior do Ceará, segundo informações do jornal O Povo.

Vendedor de sucata e repentista, Seu Lunga ficou famoso pelos seus ‘causos’ – todos negados por ele –, os quais o fizeram ser conhecido como “o homem mais bruto do mundo”. Seu Lunga morava com a esposa Carmelita Rodrigues Camilo e foi desse matrimônio que nasceram 13 filhos. Desses, há 11 vivos. Dois deles morreram em decorrência do mesmo problema do pai.

Biografia

Joaquim dos Santos Rodrigues nasceu em 18 de agosto de 1927, no Sítio Gravatá no município de Caririaçu, e viveu a infância com os pais e sete irmãos no município de Assaré. Recebeu um apelido por uma senhora, que era vizinha, e passou a chamá-lo de Calunga, que mais adiante se reduziu para Lunga. Com 16 anos de idade foi morar no município de Juazeiro do Norte. Casou em 1951 e tornou-se pai de treze filhos. Lunga era dono de uma sucata em Juazeiro do Norte que vendia de tudo, desde aparelhos de televisão a frutas.

Compartilhe no Google +

Blog Revista do Vale

Os comentários publicados abaixo são de total responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião da Revista do Vale.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário